Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cloud Berries

O sabor da vida sempre depende de quem a tempera

Cloud Berries

O sabor da vida sempre depende de quem a tempera

Linguine de Tinta de Choco Salteado com Alho

Este linguine é enriquecido com o sabor da tinta de choco.

É aconselhado usar o linguine de tinta de choco como acompamento de peixe ou marisco.

 

 

 

Ingredientes:

 

Linguine de tinta de choco (usei Milaneza)

1 ou 2 dentes de alho

Azeite q.b

Flor de Sal q.b

 

 

Coloque um tacho ao lume com água e flor de sal. Quando levantar fervura, adicione o linguine e deixe cozer durante 6 minutos. Retire do lume, escorra e passe por água fria. O linguine não deve cozer demasiado, uma vez que ainda o vai saltear.

Numa frigideira, adicione um fio de azeite e os dentes de alho picados e leve ao lume. Quando a frigideira estiver bem quente e o alho refogado junte o linguine e envolva. Salteie o linguine cerca de 2 minutos.

 

 

 

 

20160925_192636.jpg

 

 

 

 

20160925_191410.jpg

 

 

 

 

20160925_192234.jpg

 

 

 

 

 

 

Salmão com Salada Fria de Batata

Seja Verão ou Inverno, o salmão é sempre dos melhores peixes que encontro por aqui. Com a agravante da variedade de peixe não ser assim tanta como seria de imaginar.

 

Mas desta vez, resolvi fazer uma receita um pouco mais gulosa, para aproveitar as batatas cozidas que tinham sobrado. Podem ver post sobre a salada fria de batata aqui.  Para o caso de não terem sobras de batatas eu deixo a receita completa.

 

 

 

Ingredientes:

 

2 postas de salmão

4 batatas (usei com casca)

2 c. de sopa de maionese

1 c. de sobremesa de mostarda Dijon

Salsa

Spring onions

Pimenta q.b

Flor de sal q.b

Azeite q.b

 

 

Coloque as batatas cortadas em quatro, num tacho com água e flor de sal e deixe cozer cerca de 30-45 minutos.

Deixe as batatas arrefecer.

Misture a maionese e a mostarda. Adicione os spring onions cortados em juliana e a salsa picada. Junte a batata e envolva.

Tempere com pimenta e flor de sal.

 

Comece por temperar as postas de salmão com flor de sal e pimenta.

Coloque um frigideira anti-aderente ao lume com um fio de azeite. 

Não coloque muito azeite porque o salmão vai libertar bastante gordura. É também importante que deixe aquecer bem a frigideira.

Quando estiver bem quente, coloque as postas de salmão com a parte da pele virada para baixo. Assim que começar a cozinhar o salmão vai mudando de cor gradualmente. Tenha atenção para que não esteja demasiado tempo, porque ficará muito seco. O salmão cozinha muito rápido, o tempo varia  de acordo com o tamanho da posta de salmão.

Para as postas de salmão que eu usei 2 minutos são suficientes. Após esse tempo, viro a posta e deixo cozinhar mais 2 minutos.

 

 

 

13720592_997703190343805_1261072726_o.jpg

 

 

Alheira com Ovo Estrelado e Batata Frita

Não imaginam o bem que me soube este prato.

Estas alheiras vieram na bagagem quando regressei de férias. Sinto tanto a falta da nossa comidinha, por isso, sempre que possível encho a bagagem com estas coisinhas boas.

 

Nunca dei tanto valor a coisas tão básicas como agora, basta um simples mimo destes e o coração fica mais confortado.

 

 

 

Ingredientes:

 

2 alheiras

2 ovos

4 batatas

Pimenta q.b

Flor de sal q.b

 

 

Comece por descascar as batatas e cortá-las em palitos finos. Frite em óleo bem quente.

Quando as batatas estiverem quase prontas, coloque uma frigideira ao lume com um fio de azeite.  Pique a alheira com um palito para que não rebente e coloque na frigideira. Deixe a alheira dourar, vire até que esteja toda tostadinha.

Frite os ovos e tempere com flor de sal e pimenta.

 

 

 

 

20160901_185838.jpg

 

 

 

 

 

Ups! O entusiasmo era tanto que enquanto as batatas escorriam apenas consegui tirar esta foto. Depois de tudo no prato o meu foco foi mesmo atacá-lo.

 

Almôndegas com Esparguete

Quem é que não gosta de almôndegas com esparguete?

 

 

Ingredientes:

 

400 gr de carne picada

1 cebola

1 c. de sopa de pão ralado

2 c. de chá de mostarda dijon

1 ovo

Flor de sal q.b

Pimenta q.b

Colorau q.b

2 dentes de alho

Salsa fresca

1/2 cerveja

1 c. de chá de açúcar

 

 

Pique metade da cebola, a salsa e um dente de alho. Junte à carne picada.

Tempere a carne com a pimenta, sal, colorau e mostarda.

Adicione o ovo e o pão ralado e envolva tudo.

Molde pequenas bolas e passe por farinha.

Frita as almôndegas num fio de azeite, apenas para que fiquem crocantes.

À parte, faça um refogado com a restante cebola e um dente de alho. Adicione polpa de tomate, cerveja e o açúcar.

Deixe apurar o refugado, em seguida,  junte as almôndegas e deixe cozinhar aproximadamente 15-20 minutos.

Sirva acompanhado com esparguete a salada.

 

 

 

13555849_991038547676936_683693437_o.jpg

 

 

 

 

On Tour: Tapabento Trindade

Porto..Porto...Porto uma cidade cheia de encantos e recantos e onde se come sempre tão bem. Desta vez, para além dos sítios habituais, fui conhecer um novo restaurante o Tapabento Trindade.

 

Já sabia da existência do Tapabento e já tinha ouvido maravilhas sobre o serviço. Na altura da decisão entre qual dos dois ir não foi fácil, porque quem já conhecida apenas tinha boas coisas a dizer de ambos. Aproveitamos o facto de o TapaBento Trindade ser o mais recente e lá fomos nós.

O espaço é super confortável e aconchegante.

O que mais me chamou à atenção foi sem dúvida o serviço. Infelizmente nem sempre é fácil encontrar pessoas com um sorriso na cara e no TapaBento o serviço foi excepcional. São super atenciosos, simpáticos mas não abusivos. Gostei!

Quanto à comida não tenho nada a apontar, adorei tudo o que experimentei. Nota-se muito trabalho em cada prato. Bastante cuidado na conjugação de sabores e na apresentação.

 

Costumam dizer que uma imagem vale mais do que mil palavras...então cá vão as fotos.

 

 

 

20160803_201644.jpg

Selecção de pão variado

 

 

20160803_202932.jpg

 Sopa cremosa de peixes e camarão selvagem

 

 

20160803_203906.jpg

 Quinta do Portal colheita

 

 

20160803_205440.jpg

 Bacalhau confitado em azeite de Vila Flor

 

 

20160803_205450.jpg

 Acompanhamento do Duck Wellington

 

 

20160803_205501.jpg

Duck Wellington

 

 

20160803_205512.jpg

 Entrecôte de Black Angus

 

 

20160803_205625.jpg

 Rodovalho em manteiga noisette

 

 

20160803_215004.jpg

Magnum de Beterraba

 

 

20160803_215009.jpg

 José Mauro Vasconceles - "Meu pé de laranja - lima"

 

 

20160803_215242.jpg

 Bolo de banana da Madeira e nozes

 

 

 

 

Melhor mesmo do que verem as fotos é passarem por lá e saborearem estes deliciosos pratos. Eu por cá, vou aguardando novamente pelas férias. Porque este é sem dúvida um lugar a voltar.

 

 

Mais informações:

http://www.tapabento.com/

https://www.facebook.com/TapabentoTrindade/?fref=ts

 

 

 

 

Clafouti de Frutos Vermelhos

O Clafouti é um doce típico Francês, que consiste numa fruta, originalmente cerejas inteiras, cozida no forno, num creme de ovos.Mas, como quando cheguei a Portugal já não havia cerejas, resolvi testar a versão de frutos vermelhos.

 

 

 

Ingredientes:

 

5 ovos inteiros

3 gemas

2 pacotes de natas

150 gr de açúcar

2 c. de sopa de farinha maizena

500 gr de frutos vermelhos (congelados ou frescos)

 

 

Num recipiente, bata os ovos com o açúcar e a maizena. Junte as natas e envolva.

Disponha os frutos vermelhos numa forma ou tarteira de vidro untada e deite o preparado por cima.

Leve ao forno aproximadamente 45 minutos a 180.º

Pode servir, polvilhado com açúcar em pó ou com uma bola de gelado.

 

 

 

13934871_319989685011011_4196853756015476588_n.jpg

 

 

20160806_142729.jpg

 

 

 

Eu servi acompanhado com este Gelado de Tomilho - Limão.

On Tour: Notes Bar & Kitchen

Já vos tinha falado aqui deste projecto. Apesar de ter seguido o projecto desde o início e ter verificado que tinha um enorme potencial ainda não tinha estado no espaço. Pois é, mas isso mudou, assim que cheguei a Portugal fui matar a minha curiosidade.

 

Não tenho muito para dizer, porque adorei tudo.

O espaço é pequenino o que o torna ainda mais pessoal e acolhedor. O ambiente é muito agradável e o serviço óptimo.

 

Deixo-vos aqui várias fotos tiradas por mim, para que comprovem que não estou a exagerar

 

 

 

20160804_120721.jpg

 

 

20160804_120732.jpg

 

 

20160804_120753.jpg

 

 

20160804_120954.jpg

 

 

20160804_123923.jpg

 

 

20160804_124745.jpg

 

 

20160804_124910.jpg

 

 

20160804_130329.jpg

 

 

20160804_131743.jpg

 

 

20160804_132112.jpg

 

 

20160804_131720.jpg

 

 

20160804_140523.jpg

 

 

20160804_140532.jpg

 

 

20160804_140735.jpg

 

 

20160804_140611.jpg

 

 

 

Não se assustem, eu não comi isto tudo sozinha. Mas não resisti a provar um bocadinho de cada prato :D

E agora, estão convencidos que não foi exagero? Quando passarem por Coimbra, aproveitem e deem lá um pulinho, não se vão arrepender.

 

Para saberem mais informações, vejam o outro post que publiquei aqui.