Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cloud Berries

O sabor da vida sempre depende de quem a tempera

Cloud Berries

O sabor da vida sempre depende de quem a tempera

Chamuças de Legumes com Caril e Chutney de Manga

A receita de chamuças de legumes com caril é tipicamente Indiana. São ideias para um refeição rápida, um vez que podem ser preparadas com antecedência e congeladas.

 

Podem ser usadas como entrada ou petiscos, mas também como prato principal acompanhadas de arroz e salada.

 

 

 

Ingredientes:

 

1 emb. massa filo

2 cogumelos

1 cenoura

1/2 alho francês

Pimento verde e vermelho

1 chalota

1 folha de louro

1 c. de chá de caril

Flor de sal q.b

Pimenta q.b

Manteiga q.b

Lima

Chutney de Manga

 

 

Comece por cortar todos os legumes em brunesa.

Coloque uma frigideira ao lume com um fio de azeite. Quando estiver bem quente, adicione os cogumelos e deixe cozinhar um pouco. Acrescente a chalota e a folha de louro e deixe alourar. Em seguida, adicione a cenoura, o pimento e o alho francês e saltei-e os legumes. Tempere com flor de sal, pimenta e caril e sumo de lima.

Retire do lume e deixe arrefecer. Escorra os legumes num coador para excluir o excesso de sucos.

 

Corte a massa filo em quatro tiras no sentido do comprimento. Para que fiquem mais crocantes use três a quatro tiras de massa filo por cada chamuça.

Pincele a massa filo com manteiga ou azeite, disponha uma colher de legumes salteados e um bocadinho de chutney de manga. Dobre para fazer chamuças e pincele com manteiga novamente. Eu não usei chutney de manga em todas, optei por fazer algumas simples as quais polvilhei com sementes de papoila depois de enroladas.

Coloque-as num tabuleiro com papel vegetal e leve ao forno pré-aquecido a 180.º até que fiquem douradas e estaladiças.

 

 

 

 

20160918_202027.jpg

 

 

 

 

20160918_184403.jpg

 

 

 

 

20160918_185130.jpg

 

 

 

 

20160918_194638.jpg

 

 

 

 

20160918_194655.jpg

 

 

 

 

20160918_195139.jpg

 

 

 

 

20160918_200015.jpg

 

 

 

 

 

 

 

 

Ervilhas com Chouriço e Ovos Escalfados

Uma receita típica portuguesa, em que as ervilhas ganham uma nova vida com os nossos saborosos enchidos.

 

 

 

Ingredientes:

 

1 emb. de ervilhas congeladas

1/2 chouriço de carne

1 bocado de toucinho

1 dente de alho

1/2 cebola

4 ovos

1/2 lata de polpa de tomate

1 copo de água

Louro

Flor de sal q.b

Azeite q.b

Piri-piri q.b

 

 

Leve ao lume um tacho com um fio de azeite, a cebola, o alho e a folha de louro e deixe refogar um pouco.

Corte uma parte do chouriço aos cubos e outra parte às rodelas e o toucinho em fatias finas. Adicione ao refogado e deixe dourar.

De seguida, adicione a polpa de tomate. Mexa tudo muito bem e deixe refogar mais um pouco.

Adicione as ervilhas, mexa bem e junte a água. Tempere com flor de sal, pimenta e piri-piri.

Tape a panela e deixe apurar durante cerca de 15 minutos.

Quando o molho estiver apurado pode partir os ovos e juntá-los no tacho um a um, com cuidado para não partir as gemas. Quando juntar os ovos o molho não deve estar a ferver.

Tape o tacho e espere 5 minutos para que os ovos escalfem.

 

 

 

 

 

13575636_991038581010266_2093661833_o.jpg

 

 

 

 

 

13595438_991038594343598_1032931404_n.jpg

 

 

 

 

Húngaros

Assim que vi este receita no canal de youtube da La Dolce Rita fiquei logo tentada a experimentar, mas só hoje coloquei as mãos na massa.

Sigo atentamente os seus vídeos e tenho a dizer que são todos uma verdadeira tentação. Para quem ainda não deu uma vista de olhos não sabe o que anda a perder.

 

Quanto a estas bolachinhas só vos posso garantir que tem uma textura super macia que se desfaz na boca. E o díficil é mesmo parar de as comer.

 

 

Ingredientes:

 

3 gemas cozidas

75 gr de açúcar em pó

100 gr de manteiga

150 gr de farinha

50 gr de amido de milho

 

80 gr de chocolate

10 gr óleo de coco

Compota a gosto

 

 

Coza os ovos.

Bata a manteiga amolecida com o açúcar até obter uma mistura cremosa. Passe as gemas por um passador para ficarem bem raladas e bata mais um pouco até incorporar. Adicione a farinha e o amido de milho e volte a bater.

A massa fica granulosa, por isso, a melhor maneira de a juntar é apertar com as mãos até formar uma bola.

Leve ao frigorífico 30 minutos e após esse tempo estique com um rolo da massa e um pouco de farinha para não pegar. Corte com os cortadores (eu usei um copo como cortador) e coloque num tabuleiro forrado com papel vegetal.

Leve ao forno pré-aquecido a 200.º cerca de 8 minutos. Deixe arrefecer.

 

Derreta o chocolate juntamente com o óleo de coco em banho-maria. Use a compota para rechear.

 

Mergulhe-as até metade no chocolate e coloque numa superfície com papel vegetal até o chocolate secar.

 

 

 

 

 

20160628_192753.jpg

 

 

 

20160628_192741.jpg

 

 

 

 

Houve aqui umas pequenas falhas na parte de cobrir com chocolate e não ficaram perfeitas, mas posso garantir-vos que de saber estão fantásticas.

 

 

 

Podem ver a receita original aqui:

www.ladolcerita.net/2016/04/hungaros-bolachas-hungaras.html
www.youtube.com/watch?v=xAuBAb7H5Rc&index=10&list=PLIi878vvABU6fSjm8VALm8Q7aAtJMN8NN

 

Batatas fritas crocantes

Muitas vezes as batatas fritas ficam gordurosas e "moles".

Se quer que elas fiquem crocantes e não fiquem gordurosas, basta colocar as batatas cortadas num recipiente com água e colocar no frigorífico 30 minutos. Em alternativa, pode colocar uns cubos de gelo.

A diferença será bastante notória.

 

Experimente!

 

 

 

batata_frita_fa01e66c758a0f99925b702d5d52f6a1_Comi

 

Bolinhos de Grão e Atum

Podem optar por ingredientes diferentes, por exemplo, trocar o atum por bacalhau ou tofu. E ainda, trocar o grão de bico por feijão frade, feijão azuki, feijão preto ou lentilhas.

Podem também, acrescentar diferentes ervas aromáticas conforme os sabores pretendidos.

Como podem ver estes bolinhos são super versáteis, rápidos de fazer e uma boa opção para levar na marmita para o trabalho, acompanhados de uma salada.

 

 

Ingredientes:

 

250 gr de grão cozido

2 latas de atum em água

1 cenoura ralada

1 ovo

20 gr de flocos de aveia

2 dentes de alho

cebolinho

Flor de sal

pimenta preta

coentros

 

 

Pré-aqueça o forno a 180.º

Passe o grão por água e escorra o atum.

Coloque todos os ingredientes no processador até obter uma massa homogénea.

Coloque papel vegetal num tabuleiro e faça pequenas bolinhas.

Leve ao forno e deixe cozinhar cerca de 30 minutos.

Sirva acompanhado com uma salada.

 

 

 

 

13161524_953847874729337_2136562008_o.jpg

 

 

 

 

 

 

 

Bolo de Laranja

Cá em casa somos adeptos dos bolos simples.

Ideal para acompanhar com um chá.

 

 

Ingredientes:

 

6 ovos

250 gr de açúcar

240 gr de farinha

1,5 dl de sumo de laranja

raspa de 1 laranja

1 c. de chá de fermento

 

 

Método Tradicional

 

Pré-aqueça o forno a 180.º

Esprema laranjas até obter 1,5 dl de sumo. Raspe a casca de uma laranja.

Bata as claras em castelo.

Numa taça misture as gemas com o açúcar até obter um creme homogéneo. Acrescente o sumo e a raspa de laranja.

Por fim, envolva alternadamente as claras em castelo, a farinha e o fermento ao creme anterior.

Leve ao forno cerca de 35-40 minutos.

 

 

Yammi

 

Pré-aqueça o forno a 180.º

Bata as claras em castelo 4 min/vel 4. Retire do copo e reserve.

Coloque no copo a casca da laranja e o açúcar e pulverize 30 seg/ vel 11. Adicione as gemas e programe 4 min/vel 4.

De seguida, junte a farinha e o fermento e misture 30 seg/ vel 4.

Acrescente o sumo de laranja e misture 30 seg/ vel 4.

Por fim, envolva as claras em castelo com a ajuda de uma espátula.

Leve ao forno cerca de 35-40 minutos.

 

 

 

 

 

20170923_140850.jpg

 

 

 

 

 

20170923_140906.jpg

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Bolo de Ananás

Há bolos que nunca desiludem e este é um deles. Este é daqueles bolos que me fazem lembrar a infância.

A minha mãe costumava fazer este bolo, mas usava caramelo líquido, para untar a forma. Como já sabem aqui não é fácil encontrar diversos produtos, entre os quais o caramelo. Claro que o caramelo pode ser feito em casa, mas confesso que tive um bocadinho de medo que a coisa não corresse bem e o detector de fumo, colocado juntinho ao fogão disparasse (não queria mesmo era pagar a multa).

 

Bem mas agora vi a sugestão da La Dolce Rita em forrar a forma com papel-vegetal, untar com manteiga e açúcar. E já não havia razão para não fazer o bolo de ananás.

 

 

 

Ingredientes:

 

4 ovos

1 lata pequena de ananás

250 gr de farinha

200 gr de açúcar

150 gr de manteiga amolecida

1 c. de chá de fermento

 

 

Método Tradicional

 

Pré-aqueça o forno a 180.º

Com uma vara de arames ou com a batedeira, bata a manteiga com o açúcar, até obter uma mistura cremosa. Junte os ovos e 50 ml da calda do ananás e mexa bem até incorporar. Adicione a farinha e o fermento e envolva cuidadosamente. Por fim, adicione 5 rodelas de ananás cortadas em pedaços.

Unte um forma com manteiga, forre com papel-vegetal e, unte também o papel-vegetal e polvilhe toda a forma com açúcar. No fundo da forma disponha rodelas de ananás. Verta a massa  na forma e leve ao forno aproximadamente 45 minutos.

Depois de cozido, retire do forno e desenforme.

Se quiser que o bolo fique ainda mais húmido, regue com um pouco de calda.

 

 

Yammi

 

Pré-aqueça o forno a 180.º

Insira o misturador sobre a lâmina. No copo coloque o açúcar e a manteiga e programe 5 min/ vel 4. Com a ajuda da espátula, faça descer a massa acumulada nas paredes do copo.

Programe 1 min/ vel 4 e, com a yammi em funcionamento, vá adicionando os ovos (um de cada vez), através da abertura da tampa.

Incorpore a calda do ananás e bata mais 2 min/ vel 4.

Adicione a farinha e o fermento e programe 2 min/ vel 3.

Por fim, adicione 5 rodelas de ananás cortadas em pedaços e envolva com a espátula.

Unte um forma com manteiga, forre com papel-vegetal e, unte também o papel-vegetal e polvilhe toda a forma com açúcar. No fundo da forma disponha rodelas de ananás. Verta a massa  na forma e leve ao forno aproximadamente 45 minutos.

Depois de cozido, retire do forno e desenforme.

Se quiser que o bolo fique ainda mais húmido, regue com um pouco de calda.

 

 

 

 

 

 

20160831_175419.jpg

 

 

 

 

 

20160831_175534.jpg

 

 

 

 

 

20160831_175408.jpg

 

Folhados de Alheira

Lembram-se de vos ter falado nos Folhados de Salsicha?

Podem usar o mesmo método para fazer os folhados de alheira.

E tenho a dizer-vos que ficam qualquer coisa de espetacular.

 

 

Ingredientes:

 

massa folhada

alheira

 

 

114.jpg

Pré-aqueça o forno a 180.º

 

 

083.jpg

 Retire a pele da alheira e coloque sobre a massa folhada

 

 

086.jpg

Enrole a massa folhada sobre a alheira e pincele com gema de ovo

 

 

091.jpg

 Corte em pequenas rodelas e leve ao forno aproximadamente 20-25 minutos

 

 

118.jpg

 E estão prontos a serem devorados

 

 

Puré de Aipo

O Aipo é um alimento baixo em calorias. Além disso, contém 95% de água e pouca quantidade de gordura.

O Aipo é rico em vitaminas e minerais, tais como, cálcio, potássio, sódio e fósforo.

Com poucas calorias, muita água e muita fibra dietética, o aipo é um óptimo aliado para quem está a fazer dieta.

 

Ideal para acompanhar com peixes.

 

 

 Ingredientes:

 

1 cabeça de aipo

1/2 cebola

1 c. de sopa de manteiga

Leite

Sal q.b

Pimenta q.b

 

 

Refogue a cebola picada com a manteiga.

Adicione o aipo cortado aos cubos e deixe "suar" um pouco, para libertar os sabores.

Adicione leite até cobrir o aipo e deixe cozer.

Depois de cozido, escorra o caldo e reserve. Coloque o aipo num processador e triture, vá adicionando aos poucos o caldo até obter a textura ideal.

Tempere com sal e pimenta.

 

 

 

 

12.jpg

 

 

 Truta Salmonada com Puré de Aipo e de Ervilha

acompanhada de couve de bruxelas, alcaparras e aipo cru

 

Salada de Cuscus

Esta receita é super rica em sabores e nutrientes.

Uso regularmente cuscus, por isso, tento ir variando a forma como preparo. Pode usar com legumes crus ou cozinhados, dependendo da época do ano e do que tenho disponível vou alternando.

 

 

Ingredientes:

 

1 chávena de cuscus

1 chávena de água

1 tomate

1/2 cebola roxa

1/2 pepino

1/4 pimento vermelho

1/4 pimento amarelo

Salsa

Flor de Sal q.b

Pimenta q.b

Sumo de limão

 

 

Coloque o cuscus numa taça e adicione a água a ferver. Tape e deixe repousar 5 minutos. O cuscus cozinha apenas com a temperatura da água, por isso, é que a água deve estar a ferver.

Junte um fio de azeite, umas gotas de limão e mexa com um garfo (nunca use uma colher).

Reserve e deixe arrefecer.

 

Corte o tomate, a cebola, o pimento e o pepino em brunesa e coloque numa taça.

Adicione o cuscus e a salsa picada e envolva tudo.

Tempere com flor de sal, pimenta, sumo de limão e um fio de azeite.

 

 

 

 

 

20170914_194840.jpg

 

 

 

 

 

Sugestões:

 

Cuscus de legumes

Cuscus de legumes com caril

 

Frango de caril com cuscus

Salada de cuscus com frango

Pág. 1/4