Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cloud Berries

Cloud Berries

Pataniscas de Bacalhau

As pataniscas de bacalhau são um clássico da culinária portuguesa e são perfeitas como petisco ou acompanhadas com um arroz de feijão ou tomate.

 

Neste post explico alguns truques para conseguir umas pataniscas bem crocantes.

 

 

Ingredientes:

 

2 postas de bacalhau

1/2 cebola

2 dente de alho

2 ovos

1/2 cerveja ou vinho branco

1/2 caneca de farinha

Salsa fresca

Flor de sal q.b

Pimenta q.b

 

 

Método Tradicional:

 

Retire a pele e as espinhas do bacalhau e desfie-o em lascas.

Pique a cebola e o dente de alho e reserve.

Numa tigela, misture a farinha e os ovos e mexa até obter um creme homogéneo.

Acrescente a cebola e os alhos e envolva. Aos poucos vá juntando a cerveja, que deve estar bem fria.

Por fim, adicione o bacalhau e a salsa.

Tempere com flor de sal e pimenta.

Leve a massa, um pouco, ao frigorífico a repousar.

Numa frigideira anti-aderente, leve ao lume óleo e frite as pataniscas, vertendo pequenas porções com a ajuda de uma colher.

 

 

Yammi:

 

Retire a pele e as espinhas do bacalhau e desfie-o em lascas.

Pique a cebola e o dente de alho na função triturar. Retire do copo e reserve.

Coloque no copo, a farinha e os ovos e programe 30 seg/vel 6.

Acrescente a cebola e os alhos e programe 20 seg/vel 3. Aos poucos vá juntando a cerveja, com cuidado, que deve estar bem fria.

Por fim, adicione o bacalhau e a salsa picada e programe 10 seg/vel 3

Tempere com flor de sal e pimenta.

Leve a massa, um pouco, ao frigorífico a repousar.

Numa frigideira anti-aderente, leve ao lume óleo e frite as pataniscas, vertendo pequenas porções com a ajuda de uma colher.

 

 

Os truques para que as pataniscas fiquem bem crocantes e não ensopadas em óleo são:

 

- Acrescentar a cerveja ou vinho à massa bem frios;

- Deixar repousar a massa, um pouco, no frigorífico;

- O óleo deve estar bem quente.

 

 

 

 

 

20161015_140307.jpg

 

 

 

 

 

20161015_140316.jpg

 

 

 

 

 

 

Camarões ao Alho com Coentros

 

Por aqui também já se começa a sentir um cheirinho a Verão. Portanto está a chegar a altura de preparar os melhores petiscos.

 

 

Ingredientes:

 

1 kg de camarão

2 dentes de alho

1 ramo de coentros

1 piri piri

flor de sal

azeite

 

 

Descasque os camarões e retire a tripa.

Numa frigideira coloque um fio de azeite e acrescente o alho cortado em rodelas finas. Deixe começar a fritar e acrescente os camarões. Tempere com flor de sal, piri piri e coentros frescos picados, e deixe cozinhar até os camarões estarem rosados.

Retire do lume, coloque numa taça e polvilhe com os restantes coentros.

 

 

 

107.jpg

 

 

 

Mexilhões com Batatas Fritas

Esta receita é tradicional da Bélgica, mas vê-se muito pela Noruega.

Fica um petisco delicioso para um final de tarde solarengo, acompanhado com uma cerveja bem fresquinha.

 

 

Ingredientes:

 

1 kg de mexilhões

2 dl de natas

1 bolbo de funcho

1 piri piri

1/2 cebola

1 dente de alho

1 folha de louro

1 limão

1 chipotle

2 gr paprika fumada

15 cl de vinho branco

Estragão

Flor de sal q.b

Pimenta q.b

 

 

Lave bem os mexilhões e retire-lhes a "barba" caso seja necessário.

Numa panela grande, coloque um fio de azeite. Quando estiver quente adicione o alho picado, o louro, a cebola e o funcho.

Acrescente o estragão, o chipotle e a paprika fumada. Refresque com vinho branco. Tempere com flor de sal, pimenta e piri-piri e deixe levantar fervura.

Adicione as natas e deixe levantar fervura.

Depois é só juntar os mexilhões previamente escorridos. Regue com sumo de limão. Envolva bem e reduza o lume.

Tape a panela e deixe cozer lentamente até os mexilhões estarem abertos.

Na altura de servir adicione estragão e sumo de limão.

Não se esqueça de fritar as batatas para acompanhar.

 

 

 

 

 

 

13152808_1022726941110381_716291910_n.jpg

 

 

 

 

 

Para temperar as batatas fritas usei a flor de sal aromatizada com endro.

Queijo Fresco

Nunca fazer queijo fresco foi tão fácil e simples ;)

Na Noruega não existe queijo fresco. Quando vi que conseguia fazer na Yammi fiquei bastante curiosa.

A minha primeira experiência foi com a ajuda da minha mãe, uma vez que ela sabe fazer o tradicional queijo fresco nada melhor para me dar todas aquelas dicas que nem sempre vem nas receitas.

Após ver várias pessoas queixarem-se que nem sempre corre bem, resolvi deixar aqui as minhas dicas. Devem ter atenção aos tempos de repouso dado em qualquer receita, pois estes variam muito.

Pela minha experiência quase sempre tenho que aumentar o tempo de descanso. A marca dos ingredientes usados em algumas receitas também faz diferença.

 

 

 

Ingredientes:

 

1 l de leite do dia (Vigor)

100 gr de leite em pó (Nido)

25 gotas de coalho líquido

Sal q.b

 

 

Coloque no copo o leite, o leite em pó e o sal e programe 5 min/ 37ºC/vel 4. Se o leite não atingiu os 37º C programe mais um pouco.

Adicione o coalho e envolva 30 seg/vel 4.

Coloque numa taça de vidro e deixe repousar 1h para ganhar consistência.

Quando já estiver consistente faça uns cortes com uma faca, para que se liberte o soro. Deixe repousar  mais 30 minutos.

Com a ajuda de uma colher coloque o queijo no cesto da Yammi e faça um pouco de pressão. Coloque o cesto sobre um prato fundo para que o soro escorra. Eu transferi o queijo para um cincho para que fica-se com um formato mais liso.

Deixe repousar durante 12h no frigorífico. Após esse tempo, desenforme e sirva.

Pode polvilhar com pimenta branca moída.

 

 

 

Notas:

 

- Usei leite do dia da marca Vigor e leite em pó Nido;

- Encontra o coalho líquido em qualquer farmácia;

- Use leite à temperatura ambiente e verifique se atingiu a temperatura desejada;

 

 

 

 

 

20170205_152812.jpg

 

 

 

 

 

20170204_160928.jpg

 

 

 

 

 

20170204_161352.jpg

 

 

 

 

 

20170204_162116.jpg

 

 

 

 

 

20170204_162843.jpg

 

 

 

 

 

20170205_184037.jpg

 

 

 

 

 

20170205_184121.jpg

 

 

 

 

Massa de Pizza

Eu gosto especialmente das pizzas feitas sobre uma fina massa crocante. 

Para conseguir a pizza perfeita, a massa deve ser elástica e macia.

O segredo está em amassar muito bem e respeitar o tempo de levedura. Com a ajuda da Yammi a tarefa de amassar ficou muito simples. Existem versões de receitas muito mais rápidas, mas a diferença no resultado final é bastante notória. Para mim esta é a receita perfeita, que combina uma textura fina e crocante.

 

 

 

 

Ingredientes:

 

1 kg de farinha tipo 00

650 ml de água

25 gr de fermento fresco

10 gr de sal fino

10 gr de azeite

 

 

No copo coloque a farinha e a água e misture 5 min na função amassar.

Adicione o fermento e programe 20 min função amassar.

Acrescente o sal e o azeite e programe 10 min função amassar.

Retire do copo e coloque sobre uma banca polvilhada com farinha. Dê o formato de uma bola e deixe levedar durante 12h.

Forme pequenas bolas dependendo do tamanho da pizza que pretende. Deixe repousar mais 30 minutos.

Com a ajuda de um rolo de cozinha estique a massa dando o formato de pizza.

Use os ingredientes que mais gostar na pizza.

Pré-aqueça o forno a 230º C.

Caso tenha uma pedra para pizzas coloque no forno a aquecer.

Coloque a pizza sobre a pedra e leve ao forno aproximadamente 20 minutos.

 

 

 

 

 

16426095_1249494498433623_2416973215355957774_n.jp

 

 

 

 

 

20170203_185701.jpg

 

 

 

 

 

20170203_190042.jpg

 

 

 

 

 

20170203_190342.jpg

 

 

 

 

 

20170204_160741.jpg

 

 

 

 

 

20170204_160942.jpg

 

 

 

 

 

20170204_160945.jpg

 

 

 

 

 

20170204_161300.jpg

 

 

 

 

 

20170204_155846.jpg

 

 

 

 

 

20170204_183831.jpg

 

 

 

 

 

20170204_184040.jpg

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Camarão Cozido

Cozer camarão é um processo rápido e simples mas que tem alguns truques para que o camarão fique bem cozinhado, bem temperado e mantenha a sua cor viva.

 

 

Ingredientes:

 

2 kg de camarão

1 Cebola

1 Piri-piri

Flor de sal

 

 

Coloque água ao lume numa panela grande com flor de sal, cebola e piri-piri.

Quando levantar fervura introduza o camarão.

Deixe levantar fervura novamente e cozinhar durante cerca de 3-6 minutos dependendo do tipo de camarão.

Escorra num passador ou escumadeira e coloque numa taça com gelo para que exista um choque térmico. Este choque térmico irá  permitir que mantenham a sua cor viva, fiquem mais suculentos e seja mais fácil tirar a casca.

Depois de bem frios, retire o gelo, e estão prontos a consumir. Caso não os vá consumir de imediato, guarde no frigorífico.

Quando servir pode colocar coentros frecos e gomos de limão.

 

 

 

 

 

received_1548634305164530.jpeg

 

 

 

 

 

Cogumelos Recheados com Espinafres e Bacon

Gosto bastante de cogumelos frescos, tanto em massas ou simplesmente salteados.

Mas estes cogumelos recheados dão um excelente petisco.

O recheio pode ser alterado dependendo de cada gosto pessoal.

 

 

 

Ingredientes:

 

10 a 12 cogumelos Paris ou Portobello

1/2 emb. de espinafres

1/2 cebola

2 dentes de alho

1 emb. de bacon aos cubinhos

Mozzarella

1 folha de louro

Azeite q.b

Flor de Sal q.b

Pimenta q.b

 

 

Comece por cortar retirar os pés dos cogumelos e cortar em brunesa.

Pique a cebola e os dentes de alho.

Coloque uma frigideira ao lume, quanto estiver bem quente adicione o bacon e deixe tostar até liberte toda a gordura. Em seguida, adicione a cebola, o alho, os pés dos cogumelos e o louro (se necessário coloque um fio de azeite) e deixe refogar.

Por fim, adicione os espinafres e deixe cozinhar um pouco. Tempere com pimenta e flor de sal.

Retire do lume e deixe arrefecer um pouco.

Com a ajuda de uma colher de sobremesa, coloque o recheio dentro dos cogumelos. Polvilhe com mozzarella e leve ao forno pré-aquecido a 180º C aproximadamente 20 minutos.

 

 

 

 

 

20161231_185455.jpg

 

 

 

 

A imagem acima apresentada é dos cogumelos antes de irem ao forno. Fiz esta receita na passagem de ano e com toda a correria não consegui tirar mais fotos.

Canapés de Salmão Fumado com Endro

Salmão fresco, salmão fumado... salmão, salmão!

Quem me segue sabe que gosto bastante de salmão. Hoje, deixo aqui uma entrada simples, mas muito saborosa, com salmão fumado.

 

Nesta receita usei salmão fumado com endro, mas se não encontrar use o normal

 

 

Ingredientes:

 

Crostinis

Salmão fumado com endro

Alcaparras

Philadélfia

Pimenta q.b

 

Coloque o salmão fumado por cima do crostini, um bocadinho de philadélfia e uma alcaparra. Tempere com pimenta.

E está pronto a servir.

 

 

 

088.jpg

 

 

099.jpg

 

 

 

 

 

 

Folhados de Alheira e Espinafres

Já vos tinha falado de uma versão mais simples dos folhados de alheira.

Como vos tinha falado estes folhados podem ser muitos versáteis, basta dar asas à imaginação.

A receita de hoje é um pouco mais rica. Inclui um refogado com a alheira e espinafres que lhe dá um toque especial.

 

 

 

Ingredientes:

 

1 emb. de massa folhada

1 alheira

1/2 cebola

1/2 emb. de espinafres fresco

2 dentes de alho

1 folha de louro

Flor de sal q.b

Pimenta q.b

 

 

Coloque um fio de azeite num frigideira e leve ao lume. Adicione a cebola e o alho picado, a folha de louro e deixe refogar. Adicione a alheira sem pele e esmague com um garfo, até que se desfaça.

Por fim, adicione os espinafres e deixe cozinhar. Tempere com flor de sal e pimenta.

Retire do lume, reserve e deixe arrefecer.

Pré-aqueça o forno a 180º C.

Coloque o recheio longitudinalmente sobre a massa folhada.

Enrole a massa folhada sobre o recheio, formando um rolo. Pincele com gema de ovo.

Corte em pequenas rodelas e leve ao forno aproximadamente 20-25 minutos.

 

Se tiver alguma dúvida de como enrolar veja o post dos Folhados de Alheira (aqui) para ter uma ideia do formato a dar ao rolo.

 

 

 

 

 

20161231_202710.jpg

 

 

 

 

 

 

  

 

 

 

Chamuças de Alheira e Pêssego

A chamuça é uma especialidade de origem Indiana. Mas estas chamuças são bem portuguesas, uma vez que são recheadas com a nossa tão típica alheira.

 

É uma entrada muito simples, mas que vai fazer um enorme sucesso na mesa.

 

 

Ingredientes:

 

2 alheiras

1 a 2 pêssegos

1/2 cebola

1 dente de alho

1 folha de louro

1 emb. de massa filo

Pimenta q.b

Flor de sal q.b

Piri-piri q.b

 

 

Corte o pêssego em fatias fininhas ou em cubinhos e reserve.

Descasque e lave a cebola e o dente de alho e pique-os finamente. Leve uma frigideira anti-aderente ao lume com um fio de azeite, deixe aquecer, junte a cebola, o alho e a folha de louro e deixe refogar.

Retire a pele às alheiras, e junte ao refogado, misture bem até que se desfaçam. Tempere com flor de sal, pimenta e piri-piri e retire do lume.

Corte a massa filo em três tiras no sentido do comprimento. Para que fiquem mais crocantes use três tiras de massa filo por cada chamuça.

Pincele a massa filo com manteiga ou azeite, disponha uma bola de alheira sobre cada uma e por fim umas fatias do pêssego. Dobre para fazer chamuças.

Coloque-as num tabuleiro com papel vegetal e leve ao forno pré-aquecido a 180.º até que fiquem douradas e estaladiças.

Retire do forno e polvilhe com um pouco de pimenta preta moída.

 

 

 

20160806_205021.jpg

 

 

 

 

 

Nota: A massa filo seca muito rapidamente ao ar, por isso, só se deve retirar da embalagem quando já estiver tudo preparado.